Menu
Uma paradinha em Leeds
a
23
MAR

Uma paradinha em Leeds

Nossa viagem continua pelo interior da Inglaterra!

Como eu expliquei, adoro conhecer lugares pouco frequentados e trazer dicas de passeios diferentes pra você. Foi o que fiz nesta viagem à Inglaterra, parando em cidades como esta:  Leeds, no condado de Yorkshire.

Praça em frente à estação

É claro que passei em Londres, mas fiz questão de sair um pouco da metrópole e conhecer o interior, ainda bastante preservado no seu modo de vida mais bucólico. E as descobertas foram incríveis. Você acompanhou aqui a visita ao litoral do Mar do Norte, na fofíssima Robin Hood’s Bay, também conheceu a histórica York e, de quebra, curtiu as belezas de Londres nestes posts: Os encantos da cidade, um sobre a famigerada Torre de Londres, as deliciosas comidinhas de Londres e ainda um passeio pelos bairros charmosos da região de Notting Hill.

Por que “uma paradinha em Leeds”?

Porque foi exatamente assim que aconteceu. Nós havíamos planejado uma viagem a York, que fica bem ao norte de Londres. Resolvemos aproveitar a volta para uma visita de três horas a Leeds, que fica bem no meio do caminho.

Tínhamos outras opções de cidades, mas esta nos pareceu a mais cômoda, devido aos horários. Também porque assim poderíamos parar pra almoçar fora do trem.

A beleza dos prédios

Primeira coisa: procurar o serviço de informações turísticas.

Na maioria das cidades, já é possível conseguir informações na própria estação de trem.

Ruas impecáveis, calçadas largas e ciclovias

No caso de Leeds, apesar de ter quase meio milhão de habitantes, o centro histórico é bem próximo da estação e possível de ser percorrido a pé. O que vemos é um conjunto arquitetônico muito rico, com prédios monumentais, ruas limpas e largas.

Town Hall, a prefeitura

Chegando ao serviço de informações, que fica no centro histórico, pedimos orientação para aproveitar a cidade em apenas três horas, pois nosso trem partiria às 17h. A atendente traçou no mapa um percurso para conhecermos as Arcades, que são galerias comerciais do começo do século XX.

As Arcades de Leeds são atração turística

Depois, poderíamos fazer a caminhada de volta à estação pela margem do rio Aire, que corta a cidade.

Rio Aire

A biblioteca de Leeds

Biblioteca Pública

Já na saída do centro de informações, dei de cara com a Biblioteca Pública, num prédio histórico lindíssimo. As bibliotecas são bem diferentes das nossas, e pra melhor. Contam com WiFi excelente, gratuito e à vontade, sem cadastro; têm cafés charmosíssimos com várias opções de alimentação; são organizadas e amigáveis.

Hall da biblioteca

Basta pegar o livro na estante, aproximá-lo do leitor ótico de código de barras e procurar um sofazinho ou mesa para ler. Pode-se levar o livro inclusive ao café, onde vi várias famílias fazendo leitura para as crianças.

Biblioteca

Aliás, as crianças têm sempre um espaço só delas, com móveis em tamanho pequeno e decoração atraente e colorida. Com tudo isso, as bibliotecas são movimentadas, com um entra-e-sai contínuo de jovens, famílias, idosos, estudantes e pesquisadores.

Detalhe da escada

Ah, e elas incluem também os arquivos das cidades, fonte de pesquisa para muitos interessados.

As Arcades, exemplos da belle époque

Construídas no final do século XIX, as Arcades são centros comerciais que refletiam a riqueza e prosperidade da cidade na época vitoriana e eduardiana.

A primeira galeria, de 1878

As galerias são decoradas com uma riqueza de detalhes estonteante. Na construção, não foram poupados materiais nobres, como mármores, vitrais, metais dourados, mosaicos, estucco, madeira de lei, vidro curvo e bisotado nas fachadas e vitrines.

County Arcade, a mais chique

O teto abobadado com estruturas de ferro e vidro protege os compradores da ação do clima e deixa entrar a luz do dia. O mais incrível é que, depois da Segunda Grande Guerra, elas entraram em decadência e ficaram abandonadas até 1990, quando passaram por restauração e atraíram novamente as lojas mais prestigiadas do mundo. Hoje, são uma das principais atrações turísticas da Inglaterra.

Detalhes do interior

Veja todos os detalhes no vídeo que retrata a visita (rapidinha) a Leeds:

COMPARTILHE
por Carla Vilhena
Facebook Twitter Google Plus Pinterest WhatsApp E-mail
COMENTÁRIOS
(2) Comentário(s)
  1. lourivaldo disse:

    lindo amei manda mais bjsss

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Contato:
(11) 99795-9819 Carlos Monnerat - horário comercial
Newsletter:
© Copyright 2019 - Carla Vilhena. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito. Site by Miss Lily